Leitores Online

quarta-feira, 11 de março de 2015

Steam Machines valem o que custam?



A Valve anunciou na última sexta-feira (6) o valor das Steam Machines, computadores pré-montados por empresas parceiras e equipados com uma distribuição de Linux customizada para o próprio serviço Steam, o SteamOS. Como é de praxe no mundo dos PCs, existem opções que vão de US$ 460,00 até US$ 5.000,00.

US$ 460,00 é um pouco mais caro do que os US$ 400 cobrados por um PS4 ou Xbox One, principalmente se considerarmos que o computador não acompanha mouse ou teclado. A máquina de US$ 5.000,00 é, obviamente, muito mais poderosa do que o resto, mas será que alguma delas vale a pena?

Sentamos para analisar algumas das Steam Machines e entender se alguma delas realmente vale o preço que custa, começando pela mais barata, o iBuyPower SBX, de US$ 460,00.

CPU: AMD Athlon™ X4 840
GPU: ATI Radeon™ R7 250X 1GB GDDR5
Memória: 4GB (não especifica o tipo)
Armazenamento: 500GB HDD

Isso é consideravelmente mais caro do que o preço das peças avulsas, considerando que o usuário paga pela montagem, pela marca e pelo design. O hardware também deixa a desejar: embora o processador seja suficiente para bater os consoles de nova geração, a placa de vídeo é bastante básica e não dará conta de rodar os jogos mais pesados. Pode servir como uma máquina para rodar os jogos mais casuais ou permitir que uma grande biblioteca de jogos antigos seja apreciada do sofá, mas para jogos mais recentes, provavelmente será necessário um PC mais potente.

Com o dobro do dinheiro (US$ 1.000,00), é possível comprar um Zotac SN970, que com certeza rodará qualquer jogo com uma qualidade gráfica muito superior à dos consoles de nova geração.

CPU: Intel® 6th Gen Processor
GPU: NVIDIA® Geforce® GTX 970M com 3GB GDDR5
Memória: 8GB DDR3 SODIMM bundled
Armazenamento: 2.5” 1TB HDD + 64GB M.2 SSD

Apesar da Geforce GTX 970M (destinada a produtos muito finos, como iMacs e Laptops) ser menos potente que sua irmã destinada a desktops, ela ainda é suficiente para mostrar que, mesmo com um ano e meio de lançamento dos consoles de nova geração, ainda há uma performance gráfica que é facilmente superada por PCs compactos, inclusive muito menores do que o próprio PS4 ou Xbox One. Apesar de custar o dobro do preço, é claro.

CPU: Intel Core i7-4790K
GPU: NVIDIA Geforce Titan-Z
Memória: 16GB of DDR3-1866 MHz
Armazenamento: Até 8TB, entre SSD e HD

Só a placa de vídeo já custa mais de US$ 3.000,00, sem contar o fato de que o gabinete tem 11 centímetros de largura, possui uma base de granito e é resfriado a líquido. Mais do que uma máquina gamer, é um computador de butique, que ultrapassa as necessidades (e orçamento) da maior parte dos usuários. É possível, no entanto, que ele seja mais potente do que os videogames da próxima geração, sejam eles quais forem, quando chegarem.

O que nenhuma Steam Machine possui, por enquanto, é um custo-benefício aceitável. Com pouco mais de US$ 400,00 é possível, nos Estados Unidos, construir máquinas de performance superior a Steam Machines de US$ 700. O que o usuário não possui, nesse caso, é um gabinete fino, silencioso e bonito, mas é o preço que se paga por gráficos potentes, baixo custo e é claro, um design exclusivo de gabinete.

Todas as Steam Machines, juntamente do Steam Controller e o Steam Link serão lançados em novembro deste ano. Só então saberemos se a moda vai pegar e os computadores começarão a tomar, em massa, o lugar dos consoles nas salas de TV.




Por: Luccas Franklin / Gadgets INFO / Desktops

Nenhum comentário: